milagre
Testemunhos

Eu sou um verdadeiro milagre!

Fotografia: Paulo Rogê

Meu nome é Andreia Uchôa, tenho 29 anos e gostaria de compartilhar com os leitores da Revista Renascer o meu testemunho de vida. Posso afirmar que, mesmo com pouca idade, sou um verdadeiro milagre de Deus!

Minha história de luta começou aos 15 anos de idade, quando sofri um acidente de moto. A sequela desse acidente, foi o surgimento de um coágulo na perna esquerda, que se desenvolveu devido à forte pancada. Ao ser levada para o hospital, fiz um Raio X e descobri que o osso não tinha quebrado, porém o inchaço da perna era assustador. Então, os médicos optaram por engessar a minha perna, pois a dor era imensa e eu chorava muito.

Fui para casa com a perna engessada, mas com o passar dos dias, a perna que já estava coagulada, foi roxeando e a dor não passava. Ao ir em um médico particular na área da Ortopedia, descobri que o meu caso era de extrema urgência em Angiologia. Sem recursos, minha família desesperada se uniu para me ajudar até que consegui uma consulta com um especialista em Angiologia. Foi nesse momento que Deus entrou com a providência.

O médico que me atendeu, Dr. Ramão Vera Filho, disse que eu tinha que internar às pressas, pois já tinha o risco de amputação da minha perna. Fiz alguns exames e foi diagnosticado Trombose Venosa profunda. Eu precisava ficar internada em um apartamento, pois precisava de um acompanhante para me ajudar a descer da cama, mas eu e a minha família não tínhamos condições financeiras para arcar com essa acomodação.

No entanto, Deus foi tão misericordioso, que levantou pessoas do próprio hospital e também o médico, que se comoveram com a minha história e me ajudaram com a internação. Passei um tempo no hospital me recuperando, mas para honra e glória do Senhor, consegui levar uma vida normal, com algumas dores, mas aparentemente bem.

Aos 20 anos de idade, já casada, descobri que o coágulo havia subido para a barriga. Comecei então novos tratamentos. Ao ver o meu diagnóstico, os médicos já me desenganaram da possibilidade de uma gravidez, pois com aquele coágulo na barriga, ter uma gestação era algo impossível.

Mas, eu sei que a última palavra vem de Deus, e aos 24 anos recebi a maior prova do amor de Deus por mim, a de ser mãe. Sim, tive medo, muito medo, mas a alegria de ter o meu milagre era muito maior, e mesmo com medo, voltei a sonhar naquele dia, pois sei que Deus realiza os sonhos que temos em nossos corações.

Como já era de se esperar, algumas lutas durante essa gestação vieram. Por causa da enfermidade, para sustentar a gravidez, durante os 9 meses foi necessário tomar 4 injeções por dia da medicação Clexane, pois o comprimido Marevan ou Xarelto, que são os medicamentos para tratamento da trombose, causam má formação no feto. Foram dias de muitas dores, mas também de muita alegria, pois o meu filho estava bem.

A medicação Clexane era de alto custo. Na época o valor era 60,00 a dose de 80 mg que era a que eu precisava por dia. O total do tratamento durante os 9 meses de gestação daria o valor de um carro. Seria impossível conseguir esse valor. Mas, mais uma vez, o Senhor não nos desamparou. Minha sogra reencontrou uma pessoa conhecida que não via há muitos anos. Ela comentou da minha história e ele a instruiu a darmos entrada no Ministério Público para ganharmos as medicações, e dessa forma, consegui 4 vacinas por dia. Deus em sua perfeição me permitiu ganhar os medicamentos, usá-los e ainda depois doar e ajudar pessoas que passavam pela mesma dificuldade. Glória a Deus!

No dia 06 de Fevereiro de 2014, às 10:30 nasceu o meu filho, o meu guerreiro Davi. E mais uma vez, para honra e glória do Senhor, ele nasceu lindo e saudável.

Porém, as minhas dores ainda não cessaram. Após o parto, fiquei delirando, com vômitos intensos e hemorragia. Eu não reagia, parecia não ter mais jeito! Mas, quando o homem cessa, Deus começa a agir. Os vômitos passaram, a hemorragia acabou, parei de delirar e finalmente peguei meu Davi no colo pela primeira vez. Deus mais uma vez me socorreu e tudo terminou bem. Voltei para casa com o meu filho, o meu milagre.

Após um ano do nascimento do meu filho Davi, mais precisamente dez dias após a comemoração do seu primeiro aniversário, Davi estava brincando e caiu. Quando abaixei para pegá-lo, senti uma forte dor no peito e em seguida muita falta de ar. Ali começava mais uma luta. Após realizar vários exames, fui diagnosticada com Embolia Pulmonar. Fui levada para o hospital em estado grave e lá fiquei internada novamente, com oxigênio e medicação. O mais difícil foi ficar longe do meu bebê todos esses dias.

Depois de alguns dias de tratamento, mais uma vez o Senhor me concedeu direito à vida. Tive alta do hospital e na mesma semana, fiz mais alguns exames e recebi um diagnóstico que surpreendeu até mesmo a equipe médica: fui curada da Embolia Pulmonar, que é uma doença que pode matar em poucas horas. Minha cura foi simplesmente um milagre de Deus!

Foram quinze anos de luta, com dores diárias e intensas. Ainda tenho a trombose na barriga, próximo ao umbigo, que pode sim ter riscos de ir para outra parte do meu corpo, mas eu confio no propósito de Deus em minha vida e agradeço a Deus diariamente por me sustentar, e por me conceder a vida.

Hoje entendo o motivo de ter passado por tudo isso, Deus me deu um filho amado, para que através do seu sorriso, eu possa ter a força necessária para lutar diariamente.

Gratidão me resume neste momento da minha vida. Sou grata a um Deus tão bom que me deu por duas vezes a oportunidade de viver para glorificar o Seu nome. Sou grata pelo Seu amor, grata por me restaurar e me restituir. Eu sou um verdadeiro milagre de Deus! Obrigada Senhor, por me escolher como milagre vivo!

Eu sou um verdadeiro milagre!

Mais vistos

Fale com os editores:
E-mail: editora@batistarenscer.com


Editado e publicado no Brasil por:
Renascer – Livraria e Editora Ltda.
Telefone: (62) 3202- 4968

2016 - Desenvolvido pelo Depto. de Marketing da Igreja Batista Renascer.

Topo