Jesus
Capa

Honra ao nome de Jesus

Dezembro chegou e com ele logo nos lembramos de uma data muito importante e muito festejada pelos cristãos: o natal.

O natal é uma data comemorativa que simboliza o nascimento de Jesus Cristo. Esta celebração acontece há mais de 1.600 anos no dia 25 de dezembro. Mas, será que nessa data realmente estamos honrando a quem de fato merece?

 “E ouvi a toda a criatura que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que estão no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas ações de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre.” (Apocalipse 5:13)

Honrar é respeitar, reverenciar, venerar, adorar, admirar, estimar, considerar, elevar, colocar em lugar de destaque.

Temos convicção de que existem pessoas que merecem ser honradas por nós, e isso é algo bom e agradável aos olhos de Deus. No entanto, não há em nenhum lugar, seja no mundo físico ou no mundo espiritual, alguém que mereça ser mais honrado do que Jesus.

Conforme o Evangelho de João 1:3, todas as coisas foram feitas por meio d’Ele, e sem Ele, nada do que existe teria sido feito. A razão da nossa existência está em Cristo. Desde a menor partícula subatômica até o planeta mais longínquo do universo, desde as coisas mais simples até as mais complexas; essas coisas só existem porque foram feitas por meio d’Ele e para a glória e honra d’Ele.

Nada do que nós conhecemos existiria se não fosse por causa de Jesus. Este texto jamais teria existido se não fosse pela grandeza de Cristo, pois se não fosse por Ele, eu sequer existiria.

A partir do momento que entendemos que Jesus é a razão de todas as coisas, compreendemos melhor o quanto Ele deve, em tudo, ser honrado. Quando entendemos que a Bíblia, de Gênesis a Apocalipse, em sua totalidade, tem por finalidade nos revelar a grandeza de Cristo, então passamos a compreender quem Ele é e o quanto lhe devemos maior honra do que possamos expressar.

Honrar a Jesus não é uma escolha, mas o dever de toda a criação. Toda a criação lhe deve adoração, respeito e veneração, pois o Pai lhe deu um nome que está acima de todo nome e, um dia, esse dever será cumprido por todos. Até mesmo o mais incrédulo e arrogante de todos os homens, um dia, se prostrará diante da Sua grandeza e majestade. Anjos e demônios, como nos diz o Apóstolo Paulo em Filipenses. 2:9-11, se prostrarão diante da sua grandeza e lhe renderão honra.

Como o Apóstolo João, ao vislumbrar a consumação de todas as coisas, nos relata em Apocalipse 5:13, “todas as criaturas existentes no céu, na terra e no mar, e tudo o que neles há, declaram: Àquele que está assentado no trono e ao Cordeiro sejam o louvor, a honra, a glória e o poder, para todo o sempre!”.

Sabedores de que, querendo ou não, todos terão de honrá-lo um dia, o melhor que temos a fazer é nos rendermos ao poder e majestade de Cristo, enquanto podemos fazê-lo de forma voluntária.

Ademais, quanto a isso, é importante salientar que devemos honras a Jesus não por medo ou pelo que Ele faz por nós, apesar de sabermos quão grandes coisas Ele fez e tem feito por nós. Mas, devemos honrá-lo pelo que Ele é.

Ele é o Emanuel, o Filho de Deus, o Senhor, o Verbo, o Cordeiro de Deus, o Sumo Sacerdote, o Mediador, o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim, o Rei dos Reis, o Senhor dos senhores, o Leão de Judá, o Santo, o Justo, o Caminho, a Verdade e a Vida, o Maravilhoso, Conselheiro, Príncipe da paz, Ele é o próprio Deus que encarnou e, por sua soberana vontade, esvaziou-se de si mesmo para morrer por nós. Os atributos e nomes de Cristo são infindáveis e insondáveis por nós. Entretanto, sabemos de uma coisa: Ele, e somente Ele, é digno de toda honra, glória e louvor.

Tendo em mente o quanto Cristo é digno de honra, faz-se importante refletirmos se Ele tem sido realmente honrado por nós como merece. Será que nós, enquanto Igreja de Cristo, temos honrado a Cristo? Ele é o centro e a razão da existência de todas as coisas e por isso deve ser honrado. Mas será que temos honrado Jesus colocando Ele no centro de tudo em nossas vidas? Será que a igreja contemporânea tem honrado a Cristo ao ponto d’Ele realmente ser o tema central e principal dos nossos cultos?

Não há melhor forma de honrar Jesus do que falando d’Ele e de sua grandeza para as pessoas em nosso dia-a-dia. Não há melhor forma de honrarmos Jesus do que falando da sua obra e poder em nossos cultos.

Não podemos deixar que Jesus seja apenas um coadjuvante em nossas vidas e igrejas. Ele merece o lugar de maior honra. E esse lugar é no centro. Esse lugar é o de maior destaque. O Seu nome deve ser o mais pronunciado e proclamado, porque Seu nome está acima de todos.

Nesse mês de dezembro, mês em que o nascimento de Jesus é comemorado, quero te convidar a honrar o nome de Jesus Cristo, não somente no mês em que comemoramos o natal, mas durante todos os dias do ano, colocando-o acima de todas as coisas.

Acredito ser essa é a verdadeira reflexão para esse final de ano.

Feliz natal e um próspero ano novo, com Cristo Jesus!

Honra ao nome de Jesus

Mais vistos

Fale com os editores:
E-mail: editora@batistarenscer.com


Editado e publicado no Brasil por:
Renascer – Livraria e Editora Ltda.
Telefone: (62) 3202- 4968

2016 - Desenvolvido pelo Depto. de Marketing da Igreja Batista Renascer.

Topo