cuidados com a casa
Minuto Seguro

Vou viajar: o que fazer com a casa?

Uma das grandes dificuldades dos órgãos de segurança Estatal é garantir a segurança do patrimônio de pessoas que, por algum motivo, estão fora de casa, seja por problemas de saúde, uma visita momentânea a um parente ou amigo, ou ainda porque está em viagem de férias ou coisas do tipo. Já mencionei aqui que, nestes casos, bom seria ter algém que pudesse cuidar do seu imóvel durante sua ausência. No entanto, outras medidas relevantes podem ser adotadas.

É imprescindível lembrar que cada um precisa preocupar-se com a sua segurança. Afinal, diz a Constituição que segurança é obrigação de todos e dever do Estado. O Minuto Seguro visa orientar pessoas para que possam cuidar de sua própria segurança e, com isso, colaborar com a segurança coletiva. Afinal, quando você se torna vítima, toda a sociedade se torna vítima com você também. Além do mais, um crime praticado, invariavelmente, abre porta para outros crimes. Com esta ideia, traremos para essa edição o tema:

VOU VIAJAR: QUE CUIDADOS DEVO TER COM A CASA?

Se você vai ficar fora alguns dias e a casa vai ficar sozinha, é preciso prevenir para não ter uma surpresa desagradável na volta. Um seguro não faz mal a ninguém, mas é preciso algumas providências práticas que irão dificultar uma ação marginal. Um bom começo é pedir a alguém para recolher revistas, jornais e correspondências durante o período em que estiver fora. Se possível, tenha alguém para movimentar a casa, abrindo portas, acendendo luzes e fazendo a limpeza de jardins e partes externas da casa. Ainda melhor será se você tiver um vizinho de confiança para te informar caso algo estranho venha a acontecer. Mantenha uma lista de contatos de pessoas que você possa recorrer e que possam visitar a casa pelo menos a cada dois dias. Faça uma escala de visitação entre parentes e amigos de confiança. Barreiras físicas, como cercas e sistema de monitoramento são sistemas modernos que também podem inibir uma ação criminosa, além de permitir que você mesmo faça monitoramento à distância. Vale sempre repetir: não deixe lâmpadas ligadas, pois isto pode denunciar sua ausência. No mais, lembre-se que a PM está nas ruas para ajudar você.

Eu sou o Coronel Viveiros, Presbítero da Igreja Batista Renascer.

Divulguem o nosso trabalho e saiba que a única maneira de servir a Deus é servindo ao próximo.

Até a próxima edição e fiquem na paz do Senhor!

Vou viajar: o que fazer com a casa?

Mais vistos

Fale com os editores:
E-mail: editora@batistarenscer.com


Editado e publicado no Brasil por:
Renascer – Livraria e Editora Ltda.
Telefone: (62) 3202- 4968

2016 - Desenvolvido pelo Depto. de Marketing da Igreja Batista Renascer.

Topo