Revista Renascer

acidentes domésticos
Bem Estar

Acidentes domésticos: o que fazer?

As ações que temos na hora de um acidente, podem ser fundamentais para a saúde e a vida das pessoas que se machucam. Na maioria das situações, os acidentes acontecem no cotidiano, muitas vezes em ambiente domiciliar e recebem tratamento inadequado.

Por exemplo, se uma criança rala o joelho, muitas mães correm solícitas até a farmacinha doméstica, pegam merthiolate, iodo, pomadas, ou alguma outra substância, espalham sobre o ferimento e sopram para aliviar o sofrimento do filho sem dar-se conta de que estão jogando os germes de sua garganta sobre uma ferida aberta.

No que se refere às queimaduras, a questão não é diferente. Coloca-se de tudo sobre a região afetada. Uns passam manteiga, outros, pó de café ou uma infinidade de pomadas que se encontram à disposição no mercado, e há os que esfregam a pele danificada pelo calor nos cabelos agredindo-a mais ainda.

E se uma pessoa cair da escada? O que fazer? Se quebrar uma perna ou um braço ou sofrer um acidente na rua? O primeiro atendimento que receber pode salvá-la da invalidez. O caso do ator Christopher Reeves, o Super-Homem do cinema, que ficou tetraplégico depois de ter caído do cavalo, ilustra bem essa situação.

A grande maioria da população age de acordo com o conceito de que ferimentos ou queimaduras podem ser tratados com o que estiver à mão na hora do acidente. Lamentavelmente, trata-se de um erro que pode trazer consequências graves. É importante esclarecer as pessoas a respeito de dois aspectos: prevenção de acidentes e primeiros socorros.

Com certeza, o mais importante é a prevenção. O cuidado consigo próprio, com as crianças e com os idosos para evitar que acidentes aconteçam deve ser nossa maior preocupação. Contudo, como eles podem sempre acontecer, é necessário enfatizar os princípios básicos que o leigo deve conhecer para cuidar da pessoa que se feriu, queimou ou sofreu uma queda, não só no sentido de prestar um primeiro atendimento adequado àquele caso, mas para evitar que uma conduta mal orientada agrave a situação.  Sempre procure atendimento médico o mais precocemente possível.

Acidentes domésticos: o que fazer?

Mais vistos

Fale com os editores:
E-mail: editora@batistarenscer.com


Editado e publicado no Brasil por:
Renascer – Livraria e Editora Ltda.
Telefone: (62) 3202- 4968

2016 - Desenvolvido pelo Depto. de Marketing da Igreja Batista Renascer.

Topo